Pages

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Bem que minha mãe disse: não brinque com água oxigenada!

Nesta época de ano, as pessoas ficam agitadas e realizam toda e qualquer loucura para ver a vida mudada. Afinal, as músicas natalinas cobram eficácia e eficiência do ano, mexendo com o subconsciente e dizendo as massas: “Então é Natal, o que você fez? O ano termina e começa outra vez!”
Então neste final de dezembro vale começar um regime natalino, virar esportista de fim de ano, assistir filme como louco, telefonar a todos os esquecidos, fazer novas dividas e até mudar o look e começar o ano com uma aparência diferente.
Ana Laura, não seria diferente. Em um salão empreende a derradeira tentativa de se sentir bem com o visual, afinal a balança este ano não mudou de posição, adora as comidas natalinas, o que garante nenhum regime e esporte fica adiado, pós-carnaval.
Entra no salão e pede mechas californianas. Sai do salão se achando surreal e desejando que sua impressão de total fracasso esteja errada. Mas como encarar uma reunião com amigos, desta forma? Pensa como o comprometimento pode ser uma faca de dois gumes. Suspira fundo, firma o pé e decide assumir seu novo look.
Chega atrasada. Todos se voltam a ela. Quantos olhos de piedade!
Aí, para... Estes olhares não é pra mim, é o diferente que choca, se acostumem com a nova Ana Laura!
-Que diferente seu cabelo, nossa, parece cachinhos dourados! A única pessoa que resolveu tocar no assunto.
AH! Sim...aquela menina atrevida e destemida que invade a casa de ursos malvados, come a comida deles, quebra a mobília, tira uma soneca e ainda fala para o Urso alfa. - Qualé, o que tá olhando? Nunca viu uma menina com cachos dourados? Mechas Californianas? É melhor não encarar, por que se não, nem Greenpeace te safa!
Até a rodoviária, Deus na sua bondade, ajuda Ana Laura ver a realidade. Lufadas de vento, chuva e umidade, faz com que a ilusão seja “naturalmente” destruída. Chegando em casa, no banheiro, na frente do espelho e então, ela diz:
-Espelho, Espelho meu. Diz que você colou a foto do Supla aí!?!?
O terror foi instaurado. Ana Laura recorre ao telefone e pede ajuda:
- Amanda, você não vai acreditar.
- Ai, meu Deus. Diga...
- Fiz mechas californianas!
- Sériooooo, que Mara!!! Como ficou?
- Você conhece aquele cara Piu Piu que o Gugu tirou da rua?
Do outro lado, uma gargalhada. Não tinha como não rir de tudo aquilo, histeria seria pouco!
- Você está brincando comigo! Daquela cor? Gente, mas a cabeleireira pintou, descoloriu... A conversa foi voltada para técnicas ocultas da cabeleireira e de como enganar uma cliente despreparada e carente.
Com tanto medo da consciência gritando sobre a Ditadura da Beleza que somente as 3 horas da manhã Ana Laura consegui dormir! Pesadelo
que durou até o meio dia, quando a natureza voltou aos seus padrões normais e uma tinta, mara da cor chocolate, tingiu até o céu de alegria!
Ana Laura, pós-trauma, se recupera com bastante humor. Quem nunca brincou com água oxigenada que atire a primeira pedra! Hoje a família se arrepende de não ter tirado uma foto para enfeitar a árvore de Natal. Mas deseja fazer das festas de final de ano algo realmente diferente: entregar a Ana Laura o troféu: Rainha dos Micos.
Dos Micos Leões Dourados!
Ana Laura. Só duas pretas ficam realmente lindas loiras: Beyonce e Sandra de Sá!

2 Palavras conexadas:

Marcel PH disse...

Já fez promessa de ano-novo?

Taty e Ana disse...

que não pintaria meus cabelos em 2010...kukaukaua
Ana Laura